quarta-feira, 10 de junho de 2009

Baú dos Segredos apresenta:

Assim se conta por lá...
Teatro
24 de Julho, sexta-feira, 21h30, Grande Auditório
Entrada: 2 euros
M/6
Duração 70 m


Desta vez, fizemos um exercício de adaptação ao palco de dois textos escritos para os jovens...
Duas pérolas orientais, trazidas à luz pela mão, inconfundível, de Alice Vieira na obra Contos e Lendas de Macau.
É, por assim dizer, uma forma singela de homenagearmos quem, com tanta dedicação e carinho vem alimentando os sonhos a milhares de jovens e crianças: a escritora Alice Vieira.
Dois contos em que o Amor é, na realidade, a personagem principal, revelando, alguns aspectos da psicologia de vida das gentes do oriente,...da sua mitologia,...da sua resignação perante o imutável,... da sua visão do Amor...
Encenação e Cenografia - João Regueiras
Textos – Alice Vieira (adaptados ao palco)
Luz e Som - Equipa Técnica da Casa das Artes
Assistência de Encenação – Tiago Regueiras
Coreografias - Ana Regueiras e Sara Sampaio
Figurinos e Caracterização - Cármen Regueiras
Elenco - Alunos do Nível 2 do Baú dos Segredos.
Produção - Casa das Artes de Famalicão


Uma outra história...
Teatro
25 de Julho, Sábado, 21h30, Grande Auditório
Entrada: 2 euros
M/6
Duração 70 m
Exercício de interpretação de uma série de textos de vários autores, formando, por assim dizer uma viagem, por vezes, num ritmo alucinante, desde a criação do Homem até aos dias de hoje.
A representação, umas vezes séria, outras tantas, francamente satírica, é feita em cascata, dado o quase atropelamento dos acontecimentos, que são, aqui e ali interrompidos por apontamentos humorísticos ou não.
O estilo da representação revela-nos uma visão verdadeiramente pedratória da Humanidade (Como já alguém disse, não confundam com predatória! É mesmo no sentido de atirar pedras!).
Há, contudo, uma mensagem que os nossos actores quiseram “passar” com esta representação: é que, apesar dos muitos erros que o Homem cometeu ao longo da sua breve história, ainda vai a tempo de reparar alguns deles e continuar a sua caminhada, para que o seu futuro seja, francamente, viável.
Encenação e Cenografia - João Regueiras
Textos – De vários autores
Direcção Musical – Rui Mesquita
Luz e Som - Equipa Técnica da Casa das Artes
Assistência de Encenação – Tiago Regueiras
Participação especial - Ana Regueiras
Figurinos e Caracterização - Cármen Regueiras
Elenco - Alunos do Nível 1 do Baú dos Segredos.
Produção - Casa das Artes de Famalicão

2 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.